Blog do PVC

Chocolate!

PVC

Nasceu num domingo de Páscoa, de 1981, a expressão Chocolate para definir um baile de um time sobre o outro. No Maracanã, há 36 anos, o Vasco goleou o Internacional por 4 x 0, um ano e meio depois de perder a decisão de 1979 para o rival gaúcho. O comentarista Washington Rodrigues colocou em sua transmissão a música ''El Bodeguero'': ''Toma chocolate, paga lo que debe.'' No domingo de Páscoa, a Ponte fez um primeiro tempo para lembrar a expressão adotada a partir de 1981. Foi um chocolate.

Simplista dizer que a Ponte entrou ligada e o Palmeiras desligado. A Ponte planejou usar o espaço do lado esquerdo da defesa do Palmeiras, como Gílson Kleina avisou durante a semana. Depóis da finalização de Jádson, Jéferson estava livre para chutar de fora da área. Como também não tinha companhia quando chutou para fazer o terceiro gol, depois do escorregão de Zé Roberto.

Jogadores fundamentais do Palmeiras foram péssimos. Guerra, Tchê Tchê, Zé Roberto, Dudu. A Ponte montou duas linha de quatro, com Jádson, o homem do lado direito, entrando como meia para abrir o correrdor e Jéferson atacar.

Em quatro jogos no Allianz Parque, a Ponte Preta ainda não perdeu no Allianz Parque. Difícil dizer que perderá por quatro gols de diferença. Mas, como disse Gílson Kleina: ''Temos o exemplo do Barcelona contra o Paris Saint-Germain.''

Também não se deve esquecer da capacidade do Palmeiras de levar a decisão até o último minuto, como contra Wilstermann e Peñarol.