Blog do PVC

O inacreditável Corinthians!

PVC

Que o campeão brasileiro não é o recordista das finalizações, diferente do Campeonato Espanhol, por exemplo, é sabido há bastante tempo. Desde 2013, quem finaliza mais se dá bem no Brasil, como na Inglaterra. Mas o Palmeiras tinha finalizado 16 vezes, contra três do Corinthians, aos 38 do segundo tempo. No alvo, nem tanto. O Corinthians era muito mais preciso. E tinha Arana. O craque do jogo, o lateral que o clube não quer vender, foi o melhor em campo no Allianz Parque.

O Palmeiras teve a posse de bola e pouca infiltração desde o primeiro minuto. Usou o lado direito, com Tchê Tchê e Roger Guedes, trocou passes e abusou dos cruzamentos. Porque não conseguiu infiltrar-se na defesa corintiana. Óbvio. Ninguém consegue neste Brasileirão.

Com cinco gols sofridos em 13 jogos, o Corinthians tem a defesa menos vazada da história do Brasileirão por pontos corridos neste momento da campanha. Em 2007, o São Paulo já havia sido vazado seis vezes. Igual ao Palmeiras de 1973, a defesa menos vazada de todos os tempos no Brasileirão, depois de treze partidas.

Parece impossível entrar na defesa corintiana.

Na história do Brasileirão com 20 clubes, o Atletico era o melhor líder com 32 pontos após 13 rodadas. O Corinthians já somou 35!

E manterá o mínimo de nove pontos de vantagem, ao final da 13a rodada, recorde absoluto.

O Corinthians é incrível. Sete jogos sem sofrer gols, seguidamente. A segunda vitória em quatro visitas ao Allianz Parque.

''Eles foram consistentes'', disse Fernando Prass.

A pergunta é quem vai conseguir perseguir o Corinthians. A resposta passa pelo clássico Flamengo x Grêmio, na quinta-feira, na Ilha do Urubu.

O Palmeiras não será bicampeão brasileiro.