Blog do PVC

Zé Ricardo tem recorde de rodadas na Libertadores, mas nunca liderou

PVC

Desde o início do Brasileirão por pontos corridos, em 2003, o Flamengo passou 88 das 566 rodadas na zona de classificação para a Libertadores — 15%.

Zé Ricardo foi o técnico em 27 delas, o equivalente a 30% do total rubro-negro. Está claro que o mérito é compartilhado entre o técnico e a força do Flamengo, hoje muito mais competitivo do que há uma década. Mas computar o número de jornadas entre os que se classificam para a Libertadores pode fazer entender que o trabalho não é ruim e deve permanecer pelo menos até o final do ano.

Zé Ricardo e o Flamengo têm, no entanto, um déficit a ser solucionado. Na gestão Eduardo Bandeira de Mello e sob o comando do atual treinador, o clube nunca foi líder do Brasileirão. No segundo turno do ano passado, foi o mais direto concorrente pela taça com o Palmeiras, mas não assumiu a primeira colocação em nenhum momento da campanha.

Isto persiste neste ano, com a disparada do Corinthians, líder, doze pontos à frente do Fla, atual quarto colocado.

A última vez que o Flamengo liderou o Brasileirão foi na 15a rodada de 2011, sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, logo depois de vencer o Coritiba por 1 x 0, gol de Jael.

Abaixo, o número de cada técnico na zona de classificação da Libertadores e na liderança do Brasieirão:

LIBERTADORES

  1. Zé Ricardo – 27 (2016/17)
  2. Vanderlei Luxemburgo – 22 (2011)
  3. Caio Júnior – 21 (2008)
  4. Andrade – 6 (2009)
  5. Nelsinho Baptista – 2 (2003)
  6. Rogério Lourenço – 2 (2010)
  7. Muricy Ramalho – 1 (2016)

LIDERANÇA

  1. Caio Júnior – 10 (2008)
  2. Andrade – 2 (2009)
  3. Vanderlei Luxemburgo – 2 (2011)