Blog do PVC

São Paulo negocia em duas frentes para ter Scarpa

PVC

O São Paulo não tem certeza se conseguirá contratar Scarpa ao final do imbróglio jurídico que se criou, com a ação movida contra o Fluminense em 22 de dezembro. Ninguém tem. Pode sair uma liminar ou um habeas-corpus a favor de Scarpa a qualquer momento ou a Justiça pode atrasar uma decisão favorável ao jogador. O jeito é negociar com as duas frentes. Com o Fluminense e com os agentes.

Até porque este seria o procedimento de qualquer jeito. Negociar a rescisão do contrato com o Fluminense e os salários com os empresários.

Não é o único clube a fazer isto. O Corinthians também tenta negociar com Scarpa e há quem imagine a hipótese de ele se transferir para o exterior. Mas o São Paulo confia que poderá fechar contrato com o meia nas próximas semanas.

Difíci tem sido negociar com os dirigentes do Fluminense, segundo relatos de diretores de clubes e de agentes de jogadores. Em outro momento, em dezembro, o São Paulo negociava com o Fluminense a liberação de Scarpa envolvendo dinheiro e três jogadores. No São Paulo, conta-se que o acerto estava feito e que o time paulista se propunha a pagar os salários que o Fluminense não conseguisse honrar dos três atletas emprestados. Em troca, abateria o valor na hora de comprar Scarpa em definitivo. A resposta do Fluminense foi: ''Assim, não!''

Não se fez o acerto.

Agora, o São Paulo confia que pode avançar na tentativa de ter Scarpa em seu elenco. Mas não será simples.