Blog do PVC

Prefeitura promete Pacaembu pronto dia 15 e manter vocação do estádio

PVC

O secretário municipal de esportes, Jorge Damião, procurou este colunista e respondeu a diversos questionamentos feitos na Carta ao Prefeito João Dória, publicada neste blog na manhã desta terça-feira (6).

Damião descarta sucatear o estádio municipal para facilitar o processo de licitação, garante que já está havendo o trabalho de recuperação da cabine primária e que haverá uma varredura da Eletropaulo parta deixar o estádio pronto no dia 15 de março, data em que o Santos enfrentará o Nacional de Montevidéu, no Pacaembu.

O secretário também promete que o processo de licitação obrigará o consórcio vencedor a manter a vocação do estádio. ''O foco principal da licitação é a modernização do Pacaembu para a prática do futebol'', prometeu o secretário Jorge Damião.

Abaixo, os principais pontos da conversa:

APAGÕES – Estamos falando de um velhinho de 78 anos e que não fez todo o tratamento preventivo. Mas não é verdade que não estamos investindo no estádio. Fizemos investimento em problemas que existem há tempos, como na hidráulica. Não fosse assim, não teríamos, por exemplo, o gramado que temos. Sobre os apagões, foram três problemas distintos. No jogo Portuguesa x Palmeiras, da Copa São Paulo, a Portuguesa deveria levar e não levou o gerador. Na partida entre São Caetano e Corinthians, o gerador levado pelo São Caetano teve aquecimento o que deu origem ao problema. Desta vez, tivemos problema na cabine primária.

SOLUÇÕES Temos um jogo no dia 15 e o estádio tem de estar pronto. Há plantão da Eletropaulo e haverá uma varredura. Mas sabemos que há problemas estruturais. Há cabos enterrados há 34 anos, do período em que se fez a última grande investida no Pacaembu.

PRIVATIZAÇÃO O foco principal da licitação é modernizar o estádio para o futebol. Até porque há problemas externos, que impedem que se faça outras atividades. Shows, por exemplo, não deve haver. Quem ganhar a licitação só poderá levar se mantiver a vocação original do estádio, para o futebol. O processo está avançado. Dia 29 de março, vamos lançar a consulta pública e no dia 18 de abril está estimado o edital. A alma deste estádio não vai mudar. É um patrimônio cultural da cidade de São Paulo.

Leia também: