Topo
Blog do PVC

Blog do PVC

Categorias

Histórico

O canguru não é perneta

PVC

21/06/2018 12h07

Eriksen começou o jogo dando o tom. Depois de atuação discreta contra a seleção peruana, o meia do Tottenham destruía com bons passes e organização do meio-de-campo. Fez 1 x 0 com sete minutos, triangulação perfeita, assistência de Jorgensen, finalização precisa de Eriksen. Então, o camisa 10 diminuiu seu ritmo.

Marcado pela dupla de volantes Mooy, do Huddersfield, e Jedinak, do Aston Villa, Eriksen desapareceu e a bola parou de chegar para Jorgensen. Aos poucos, a Austrália foi controlando a partida até acontecer a falha de Poulsen, que meteu o braço na bola. O árbitro de vídeo ajudou e Jedinak marcou.

Na segunda etapa, Mooy foi destaque. Também Leckie, homem dos contra-ataques australianos em busca do gol da vitória só não saiu porque o goleiro Schmeichel fez defesa importante no finalzinho do jogo.

A Austrália é treinada pelo técnico holandês Bert Van Marwijk, o mesmo vice-campeão mundial pela Holanda em 2010 e da mesma nacionalidade de Guus Hiddink, que levou os australianos à classificação para as oitavas-de-final em 2006. Acredite, a Austrália pode ser a segunda do grupo, como previu José Mourinho.

Quinta-feira, 21/junho/2018
DINAMARCA 1 x 1 AUSTRÁLIA – 9h, 15h

Local: Cosmos Arena (Samara); Juiz: Mateu Lahoz (Espanha); Gols: Eriksen 7, Jedinak (pênalti) 38 do 1º; Cartão amarelo: Poulsen (2º)
DINAMARCA (4-2-3-1): 1. Schmeichel (7), 14. Dalsgaard (6,5), 4. Kjaer (6,5), 6. Christensen (6) e 17. Stryger Larsen (5,5); 19. Schone (6) e 8. Delaney (6,5); 20. Poulsen (6,5) (11. Braithwaite 13 do 2º (5)); 10. Eriksen (6,5) e 23. Sisto (6); 9. Jorgensen (7) (Cornelius 22 do 2º (6)). Técnico: Are Hareide
AUSTRÁLIA (4-2-3-1): 1. Ryan (6), 19. Risdon (6,5), 5. Milligan (6,5), 20. Sainsbury (5,5) e 16. Behich (6,5); 13. Mooy (7,5) e 15. Jedinak (7); 7. Leckie (7,5), 23. Rogic (6,5) (22. Irvine 36 do 2º (sem nota)) e 10. Kruse (6) (17. Arzani 22 do 2º (6)); 11. Nabbout (5). Técnico: Bert Van Marwijk
Posse de bola – 48% x 52%; Finalizações – 10 x 14
Homem do jogo FIFA – Eriksen
Homem do jogo – Mooy

Sobre o Autor

Paulo Vinicius Coelho é colunista da Folha de S. Paulo, comentarista da Fox e blogueiro do UOL. Jornalista desde os 18 anos, descobriu ao completar 36 que já tinha mais tempo de jornalismo do que de sonho. Ou seja, mais anos no exercício da profissão do que tinha de idade quando publicou sua primeira matéria. Trabalhou na revista Placar, diário Lance!, ESPN Brasil, cobriu as Copas de 1994, 1998, 2006, 2010 e 2014, esteve em sete finais de Champions League.

Sobre o Blog

O blog tem por objetivo analisar o futebol brasileiro e internacional em todos os seus aspectos (técnico, tático, político e econômico), sempre na tentativa de oferecer uma visão moderna e notícias em primeira mão.

Mais Blog do PVC