Topo
Blog do PVC

Blog do PVC

Categorias

Histórico

Flamengo ganha alternativas para surpreender Corinthians

PVC

25/09/2018 10h16

A vitória do Flamengo sobre o Atlético Mineiro por 2 x 1, no domingo (23), com cinco titulares diferentes da equipe usualmente escalada por Maurício Barbiéri, abriu o leque de opções e tornou mais difícil para o corintiano Jair Ventura ter certeza sobre qual formação irá enfrentar na semifinal da Copa do Brasil.

Depois da Copa do Mundo, o Flamengo disputou vinte partidas, sempre com a mesma base. Poucas vezes, como contra o Grêmio pelo Campeonato Brasileiro, teve mais de três titulares poupados. Contra o Atlético, Barbiéri não tinha Diego, suspenso, trocou os laterais Rodinei e Renê por Pará e Trauco, escalou William Arão no meio-de-campo e terminou a partida com Paquetá como centroavante. Assim, passou a ter pelo menos quatro opções para escalações em Itaquera.

Parece provável ter Paquetá como curinga pela esquerda, com Henrique Dourado centroavante e o retorno dos laterais titulares. Com isso, poderá haver um revezamento entre Paquetá e Diego na ponta. Houve partidas em que o camisa 10 caiu pelo lado do campo e funcionou bem. Mas Paquetá, neste caso, seria o responsável por acompanhar Fágner nas subidas do lateral corintiano.

Outra hipótese é manter a formação que terminou o duelo contra os atleticanos, do Maracanã, e escalar Paquetá como falso centroavante. O xodó da torcida jogou assim com Reinaldo Rueda, no final do ano passado. Em teoria, perde-se a capacidade de fazer gols, mas Henrique Dourado e Uribe não têm dado essa segurança também.

Também é alternativa usar Trauco pela ponta esquerda, em vez da lateral. O peruano sempre foi elogiado pela forte capacidade de apoio e criticado pelas falhas na marcação. Se jogar como ponta pode prender Fágner na defesa. Os cruzamentos de Trauco foram responsáveis pelos dois gols contra o Atlético.

Uma quarta opção é jogar com Uribe como centroavante. Todas as ilustrações levam em conta a manutenção de William Arão. Não é uma garantia. Mas Arão foi bem nas partidas recentes em que atuou como titular, tanto contra a Chapecoense, quanto contra o Atlético Mineiro. Esta ideia faz imaginar que Barbiéri possa escalá-lo desde o início.

O Corinthians é favorito do confronto semifinal da Copa do Brasil por jogar em casa e porque o Flamengo não vence o rival em São Paulo há doze anos. Em mata-matas decididos com a segunda partida em Itaquera, o Corinthians classificou-se onze vezes e foi eliminado sete, desde a inauguração da arena.

Sobre o Autor

Paulo Vinicius Coelho é colunista da Folha de S. Paulo, comentarista da Fox e blogueiro do UOL. Jornalista desde os 18 anos, descobriu ao completar 36 que já tinha mais tempo de jornalismo do que de sonho. Ou seja, mais anos no exercício da profissão do que tinha de idade quando publicou sua primeira matéria. Trabalhou na revista Placar, diário Lance!, ESPN Brasil, cobriu as Copas de 1994, 1998, 2006, 2010 e 2014, esteve em sete finais de Champions League.

Sobre o Blog

O blog tem por objetivo analisar o futebol brasileiro e internacional em todos os seus aspectos (técnico, tático, político e econômico), sempre na tentativa de oferecer uma visão moderna e notícias em primeira mão.

Mais Blog do PVC