Blog do PVC

Especial Boca-River – Capítulo 9

PVC

PITY OU TÉVEZ – QUEM PREOCUPA MAIS?

Gonzalo Martínez foi revelado pelo Huracán e contratado pelo River Plate em 2015. Já ganhou uma Libertadores.

Carlitos Tévez cresceu no Fuerte Apache, em Buenos Aires, despontou no Boca Juniors e ajudou muito na conquista da Libertadores 2003. Ele era a razão daquele último time de Carlos Bianchi a ganhar a Libertadores.

Mas na história do SuperClásico, Tévez marcou três gols. Pity Martínez, quatro.

Nos últimos três jogos, Pity fez três gols. Um deles, o de falta, que desviou no zagueiro Izquierdoz antes de entrar na meta de Rossi. Marcou também no clássico do Campeonato Argentino e na Supercopa vencida pelo River por 2 x 0.

Tévez tem chance de jogar a finalíssima da Libertadores, no próximo sábado, por causa da lesão de Pavón. Não é provável. A maior dúvida é entender se Rossi ou Andrada, quem irá para o gol do Boca.

No Boca, Villa numa linha de quatro homens de meio-de-campo pela direita, Benedetto e Ábila na frente.

Será?

Tévez é a história do SuperClásico.

Pity Martínez quer ser.