Blog do PVC

Cruzeiro prepara reposição de Arrascaeta

PVC

O discurso da diretoria do Cruzeiro será de valorizar a maior venda da história do futebol brasileiro. O clube mineiro ficará com 8,5 milhões de euros (R$ 35,7 milhões) dos 15 milhões do total (R$ 63,7 milhões) e precisava deste dinheiro. Deixe de lado um pouco a posição da direção cruzeirense, que fez jogo de cena, reclamou da postura rubro-negra, nos bastidores negociou com os dirigentes do time carioca e terminaram por aceitar receber sua parte em parcelas.

Importa a partir de agora a posição da comissão técnica. Os relatórios de desempenho de 2018 indicam como De Arrascaeta e Thiago Neves foram fundamentais nas conquistas dos títulos estaduais e da Copa do Brasil. De Arrascaeta foi o artilheiro do time, empatado com Thiago Neves, com 15 gols, e vice-líder de assistências. Fez o gol do título da Copa do Brasil e o primeiro da final do Mineiro. Em 48 partidas, 36 como titular, fez 25 ações de gols.

O episódio evidenciou a fragilidade do Cruzeiro em sua relação com agentes de jogadores e investidores. O Grupo Sonda gostaria também de negociar Dedé, que não deixará a Toca da Raposa, entre outras razões, para não aumentar o nível de tensão com o Ninho do Urubu. O Flamengo contratou um dos melhores jogadores em atividade no Brasil. O Cruzeiro ficará com o dinheiro e preferia ficar com o atleta.

Mesmo assim, a comissão técnica não lamenta. Trabalha. O discurso é que tudo tem solução e o Campeonato Mineiro servirá para mostrar qual será a fórmula sem um de seus principais craques. Uma das apostas é no ponta David. Não é meia, mas atacante. Mas pode preencher o lado esquerdo do meio-de-campo, parte da função do uruguaio.

Tags : cruzeiro