Topo
Blog do PVC

Blog do PVC

Categorias

Histórico

A revolução do Benfica ameaça alcançar as semifinais da Liga Europa

PVC

2011-04-20T19:16:54

11/04/2019 16h54

À parte o bom desempenho do Arsenal contra o Napoli, de Carlo Ancelotti, e o empate do Chelsea contra o Slavia Praga, a grande atuação das quartas-de-final da Liga Europa, nesta quarta-feira (11), foi a do Benfica.

Incrível renascimento de um clube que chegou a ocupar a sétima colocação do Campeonato Português, humilhado na fase de grupos da Champions League, onde chegou a perder por 5 x 1 para o Bayern, mas recuperado depois da troca de comando, de Rui Vitória, por Bruno Lage. O novo treinador foi assistente no Swansea e no Sheffield Wednesday, mas pela primeira vez está a serviço de um time principal. Pelo Benfica, tem 22 partidas, com 18 vitórias, um empate e três derrotas.

Quando o jovem treinador português assumiu aa Águias, em 3 de janeiro, estava em quarto lugar na liga portuguesa. Hoje, é líder pelo saldo de gols, cabeça a cabeça com o Porto, time mais bem classificado da fase de grupos da Champions.

Uma parte da revolução foi definir o menino João Félix, de 19 anos, como titular absoluto. Com Rui Vitória, o garoto tinha sido titular apenas três vezes, mas marcou o gol do clássico contra o Sporting e se tornou o mais jovem a anotar em um dérbi lisboeta.

Contra o Eintracht Frankfurt, o Benfica parecia azarão. Quarto colocado na Bundesliga e conduzido pelo sérvio Jovic, que passou pelo estádio da Luz entre 2016 e 2017, o Frankfurt parecia ter forças para classificar-se pelo menos para as semifinais. Pode até virar, mas levou uma surra por 4 x 2, três gols de João Félix.

O placar chegou a ser de 4 x 1, o que daria mais tranquilidade aos portugueses no retorno, na Alemanha. De todo jeito, a atuação foi a melhor das quartas-de-final da Liga Europa.

Os outros resultados da Liga Europa foram Arsenal 2 x 0 Napoli, Villarreal 1 x 3 Valencia, Slavia Praga 0 x 1 Chelsea.

Sobre o Autor

Paulo Vinicius Coelho é colunista da Folha de S. Paulo, comentarista da Fox e blogueiro do UOL. Jornalista desde os 18 anos, descobriu ao completar 36 que já tinha mais tempo de jornalismo do que de sonho. Ou seja, mais anos no exercício da profissão do que tinha de idade quando publicou sua primeira matéria. Trabalhou na revista Placar, diário Lance!, ESPN Brasil, cobriu as Copas de 1994, 1998, 2006, 2010 e 2014, esteve em sete finais de Champions League.

Sobre o Blog

O blog tem por objetivo analisar o futebol brasileiro e internacional em todos os seus aspectos (técnico, tático, político e econômico), sempre na tentativa de oferecer uma visão moderna e notícias em primeira mão.

Mais Blog do PVC