Topo
Blog do PVC

Blog do PVC

Categorias

Histórico

Tite se esquiva de Neymar e admite que seleção precisa criar mais

PVC

2017-05-20T19:10:40

17/05/2019 10h40

O caso Neymar tinha de ser pauta na convocação da seleção brasileira. Tite não quis falar, sob a justificativa de que precisa conversar antes com o craque. Também disse que a ausência de Douglas Costa dos jogos contra Arábia Saudita e Argentina, em 2018, deveu-se à soma de fatores: lesão e indisciplina.

Tite fica devendo também a explicação sobre se Neymar será ou não será capitão. Por incrível que pareça, não foi apenas Tite quem tratou diferentemente dos comportamentos de Douglas Costa e Neymar. Douglas foi suspenso por quatro jogos na Itália, Neymar por três na França. Por absurdo que seja, a Federação Francesa quase absolveu Neymar.

Tite admite outra dívida: a seleção não está jogando bem. Depois da Copa do Mundo, o Brasil disputou sete partidas, ganhou seis, empatou uma e não jogou bem nenhuma. Foram 16 gols em 7 partidas. "Eu poderia dizer que temos 85% de aproveitamento, mas não é isso. Está faltando o processo criativo", Tite reconheceu.

A resposta pode passar pela renovação. É uma hipótese. Mas o ponto central é que a seleção estreia na Copa América devendo uma atuação como as das eliminatórias.

Sobre o Autor

Paulo Vinicius Coelho é colunista da Folha de S. Paulo, comentarista da Fox e blogueiro do UOL. Jornalista desde os 18 anos, descobriu ao completar 36 que já tinha mais tempo de jornalismo do que de sonho. Ou seja, mais anos no exercício da profissão do que tinha de idade quando publicou sua primeira matéria. Trabalhou na revista Placar, diário Lance!, ESPN Brasil, cobriu as Copas de 1994, 1998, 2006, 2010 e 2014, esteve em sete finais de Champions League.

Sobre o Blog

O blog tem por objetivo analisar o futebol brasileiro e internacional em todos os seus aspectos (técnico, tático, político e econômico), sempre na tentativa de oferecer uma visão moderna e notícias em primeira mão.

Mais Blog do PVC