Topo
Blog do PVC

Blog do PVC

Categorias

Histórico

Corinthians e São Paulo têm os piores ataques do Brasil em 2019

PVC

2013-06-20T19:12:24

13/06/2019 12h24

A inanição do ataque corintiano, com três jogos seguidos sem fazer gol, produz um fenômeno inédito na história do futebol brasileiro. Corinthians e São Paulo têm as duas piores médias de gols pró de toda a temporada 2019 no país.

O Corinthians marcou 41 gols em 38 partidas, média de 1,07 por jogo.

O CSA, time que mais se aproximava da inofensividade do São Paulo, tem 34 gols em 31 partidas, média de 1,09.

O São Paulo marcou 27 vezes em 32 partidas, inacreditáveis 0,84 por partidas.

Nesse ranking, o melhor ataque do país é o do Flamengo, com 1,78 – 59 gols em 34 partidas.

Está claro que o defeito corintiano é ter meias que não entram na área. Contra o Santos, Fábio Carille preferiu Ramiro para marcar Jorge no corredor do lado esquerdo santista a ter Jádson e Sornoza como meias, como no Maracanã, contra o Flamengo.

Houve poucos momentos em que se viu os meias corintianos entrando na área para finalizar. Caso raro, a vitória por 2 x 0 sobre o Deportivo Lara, em Cabudare, quando Sornoza e Júnior Urso foram os autores dos gols. Urso não é exatamente um meia, mas um volante que gosta de atacar e se impõe a obrigação de fazer um gol a cada três partidas.

Sempre a lembrança de que o Corinthians de Fábio Carille foi mais forte quando defendeu do que quando atacou. Em 2017, ano do título brasileiro, foi melhor no primeiro turno, quando vencia partidas com menos de 50% de posse de bola.

Perdeu oito vezes na segunda metade da campanha, período por marcado por ter mais tempo de bola no pé do que seus rivais. Das duas passagens de Fábio Carille pelo Corinthians, o momento mais criativo aconteceu no bicampeonato paulista de 2018, com Rodriguinho e Jádson formando a dupla de ataque.

Sobre o Autor

Paulo Vinicius Coelho é colunista da Folha de S. Paulo, comentarista da Fox e blogueiro do UOL. Jornalista desde os 18 anos, descobriu ao completar 36 que já tinha mais tempo de jornalismo do que de sonho. Ou seja, mais anos no exercício da profissão do que tinha de idade quando publicou sua primeira matéria. Trabalhou na revista Placar, diário Lance!, ESPN Brasil, cobriu as Copas de 1994, 1998, 2006, 2010 e 2014, esteve em sete finais de Champions League.

Sobre o Blog

O blog tem por objetivo analisar o futebol brasileiro e internacional em todos os seus aspectos (técnico, tático, político e econômico), sempre na tentativa de oferecer uma visão moderna e notícias em primeira mão.

Mais Blog do PVC