PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Blog do PVC

Acredite! Um ano sem ganhar clássico não é inédito para o São Paulo

PVC

15/07/2019 12h27

O São Paulo completará doze meses exatos sem ganhar clássico no próximo domingo, 21 de julho.

Seguirá sem vitórias contra seus três maiores rivais até, pelo menos, dia 10 de agosto, data do próximo encontro contra o Santos, no Morumbi.

São quatro empates e cinco derrotas nos clássicos deste ano. Mais três partidas do ano passado com empates contra Santos e Corinthians e derrota para o Palmeiras, no Morumbi. Em doze meses, seis empates e seis derrotas. Em média, uma frustração por mês.

O último triunfo aconteceu no Majestoso de 21 de julho de 2018: 3 x 1 no Morumbi. Na época, o São Paulo era vice-líder do Brasileiro, um ponto atrás do Flamengo.

A seqüência é incrível, mas não é inédita.

A última vez em que o São Paulo passou doze meses sem vencer clássicos contra Corinthians, Palmeiras e Santos aconteceu entre 2001 e 2002. Naquele tempo, o São Paulo tinha Rogério Ceni, Kaká e Luís Fabiano, mas passou nove jogos contra seus adversários históricos sem vitória.

Dos 3 x 1 sobre o Corinthians, em Presidente Prudente, gols de Luís Fabiano, duas vezes e Carlos Miguel.

Até o triunfo seguinte, 2 x 1 contra o Corinthians, em 1 de maio de 2002, quando Reinaldo e Kaká fizeram os gols são-paulinos e Deivid descontou para os corintianos. Aquele Majestoso valia pela semifinal da Copa do Brasil, jogo de volta. A vitória e a quebra do tabu de doze meses não classificou o São Paulo para a decisão, porque o Corinthians havia vencido a primeira semifinal por 2 x 0.

Naqueles doze meses, foram nove partidas, com seis derrotas e três empates, contra Corinthians, Santos e Palmeiras.

Antes, o São Paulo passou quase um ano sem vencer clássicos entre 1990 e 1991. Entre 24 de novembro de 1990, quando ganhou do Santos por 1 x 0, gol de Mário Tilico, pelas quartas-de-final do Brasileirão. Até 10 de novembro de 1991, data do 4 x 2 sobre o Palmeiras, na primeira rodada do quadrangular semifinal do Paulista.

Além de não permitir o aniversário de um ano sem ganhar clássicos, aquele 4 x 2 sobre o Palmeiras alavancou a classificação para a final do Campeonato Paulista, vencida contra o Corinthians por 3 x 0, três gols de Raí, e empate por 0 x 0.

No intervalo daqueles 11 meses e 17 dias sem vitórias em clássicos, o São Paulo foi campeão brasileiro, em junho de 1991.

 

Sobre o Autor

Paulo Vinicius Coelho é jornalista esportivo, blogueiro do UOL, colunista da Folha de S. Paulo. Cobriu seis Copas do Mundo (1994, 1998, 2006, 2010, 2014 e 2018) e oito finais de Champions League, in loco. Nasceu em São Paulo, vive no Rio de Janeiro e seu objetivo é olhar para o mundo. Falar de futebol de todos os ângulos: tático, técnico, físico, econômico e político, em qualquer canto do planeta. Especializado em futebol do mundo.

Sobre o Blog

O blog tem por objetivo analisar o futebol brasileiro e internacional em todos os seus aspectos (técnico, tático, político e econômico), sempre na tentativa de oferecer uma visão moderna e notícias em primeira mão.

Blog do PVC