Topo

Histórico

Categorias

Daniel Alves empata clássico que parecia perdido

PVC

16/11/2019 17h59

Um minuto antes de Daniel Alves marcar o gol de empate do São Paulo, Jorge enfileirou três jogadores adversários e perdeu a chance de finalizar.

A bola sobrou para Sasha, que finalizou e Tiago Volpi desviou, com a perna, para escanteio.

O Santos já tinha sido melhor no primeiro tempo, que terminou com discussão explícita entre Jorge e Sasha, por um chute do lateral-esquerdo, com o atacante com mais chance de finalizar. Sejamos justos, não era fácil fazer a bola chegar a Sasha.

O São Paulo do primeiro tempo não foi ruim, mas não transformou a superioridade da troca de passes em chances concretas de gol.

A partir do empate, de Daniel Alves, isso mudou.

A estatística mostra empate nas finalizações (Santos 16×15) e nos tiros certos (São Paulo 4 x 3). O Tricolor rodou mais a bola e, mesmo sem ser tão perigoso, equilibrou a partida na segunda etapa.

Segue sem vencer clássicos como visitante e sem ameaçar o Grêmio, na quarta colocação, mas garante a quinta colocação, mesmo que exista vencedor em Corinthians x Internacional.

O Santos ainda não se garante na fase de grupos da próxima Libertadores, o que aconteceria se vencesse o São Paulo.

Sobre o Autor

Paulo Vinicius Coelho é jornalista esportivo, blogueiro do UOL, colunista da Folha de S. Paulo. Cobriu seis Copas do Mundo (1994, 1998, 2006, 2010, 2014 e 2018) e oito finais de Champions League, in loco. Nasceu em São Paulo, vive no Rio de Janeiro e seu objetivo é olhar para o mundo. Falar de futebol de todos os ângulos: tático, técnico, físico, econômico e político, em qualquer canto do planeta. Especializado em futebol do mundo.

Sobre o Blog

O blog tem por objetivo analisar o futebol brasileiro e internacional em todos os seus aspectos (técnico, tático, político e econômico), sempre na tentativa de oferecer uma visão moderna e notícias em primeira mão.

Blog do PVC