Blog do PVC

Corinthians agora sofre gol em todos os jogos
Comentários 3

PVC

Dos sete jogos do Corinthians em 2018, a defesa foi vazada em cinco. Dos seis gols sofridos, três vezes em jogadas de cruzamentos, duas em chutes de fora da área, um de contra-ataque. Três do lado esquerdo da defesa, duas vezes pela direita e uma num chute do meio de Tinga, do Santo André.

A única explicação para a transformação do sistema defensivo mais sólido do Brasil para a dificuldade atual é a mudança do esquema tático. ter um volante só atrás de quatro meias. O Corinthians corrigiu o defeito mais apontado por Fábio Carille e já tem mais posse de bola do que os rivais. Curiosamente, nas duas partidas em que controlou as ações com troca de passes, perdeu para Santo André e São Bento.

No retorno a Itaquera, na noite de quarta-feira, o Corinthians teve 68% de posse de bola. Criou 19 finalizações, apenas quatro no alvo. Então, o problema novo é ter muita criação e pouco índice de acerto.

Sem sete partidas, já são três derrotas. No ano passado, a terceira derrota chegou apenas na partida oficial de número 41. Contra o São Bento, o Corinthians não perdia havia sete encontros, desde o primeiro turno do Paulista de 1987, torneio em que o Corinthians fechou a primeira metade da campanha na zona de rebaixamento.

É preciso paciência para fazer a posse de bola e o nível de finalizações transformar-se em vitórias. Mas também é ncessário cuidado para entender se o melhor caminho é investir na formação atual ou voltar ao sistema tático mais conservador, com um meia mais próximo a Gabriel.

Corinthians 1987: desde aquela época, não perdia para o São Bento

Tags : Corinthians


Asensio mudou o jogo
Comentários 8

PVC

Neymar fez bom jogo. Precisava mais para sair consagrado e consagrando o Paris Saint-Germain como um time mais forte do que o Real Madrid.

Cristiano Ronaldo teria jogado no mesmo nível. Acontece que fez dois gols decisivos. Mesmo perdendo chance frente a frente com Areola no primeiro tempo, foi firme no pênalti e teve sorte em seu gol de joelho.

A reviravolta do jogo, no entanto, foi Asensio. Depois de sua entrada em campo, tudo ocorreu do lado esquerdo do campo. O cruzamento no gol de Cristiano Ronaldo, o passe para Marcelo fazer 3 x 1. Zidane mudou bem.

Emery, mal. Ao tirar Cavani, recuou o PSG. A entrada de Meunier foi um equívoco e Emery pagou caro. Vai ser duro tirar a vaga do Real Madrid em Paris.


O símbolo do jogaço Real Madrid x Paris Saint-Germain
Comentários 5

PVC

As capas dos diários esportivos L'Equipe, da França, e MARCA, da Espanha, exprimem exatamente o tom do jogo Real Madrid x Barcelona.
Enquanto o jornal parisiense estampa a foto de Mbappé, Cavani e Neymar juntos, com o título ''Renverser le Roi'' (Derrubar o Rei), o MARCA traz o patch da Uefa Champions League estampada na manga da camisa do Real Madrid com a taça de campeão e a inscrição ''12'' dentro dela. Exatamente como na camisa do Real Madrid, também aparece abaixo do Patch o outro adesivo com a palavra ''Respect'' (Respeito).

Um quer derrubar o rei, o outro exige respeito.
É esse o tom do jogaço das 17h45.


Tottenham e City brilham com talento danês e alemão
Comentários 2

PVC

Gundogan só não fez chover na goleada do Manchester City sobre o Basel, no Saint Jakob Park. Não apenas pelos dois gols, mas por sua participação defensiva. Foram seis desarmes e uma interceptação, o rei do meio-de-campo na Basiléia. Não pense que o Basel era presa simples, porque a história recente mostrou clubes ingleses sofrendo contra o suíços. O Chelsea perdeu por 2 x 1 em Londres, em 2013, o Manchester United foi eliminado pelo Basel na fase de grupos da temporada 2011/12.

O melhor jogador do Manchester City na temporada é Kevin De Bruyne, mas na Basiléia foi o talento de Gundogan o fator fundamental para a goleada.

No jogo da noite europeia, o dinamarquês Eriksen destruiu.
Do ponto de vista das jogadas decisivas, Delle Ali foi mais, porque deu o passe para Harry Kane diminuir para 2 x 1 e estava envolvido no lance em que o árbitro alemão Felix Brych marcou falta. Cobrada por Eriksen, a falta resultou no gol de empate.

Eriksen já havia feito passe preciso na cabeça de Harry Kane, que só não diminuiu o marcador quando o jogo estava 2 x 0, porque Buffon fez grande defesa. Foi o melhor em campo, apesar de grandes atuações de Gonzalo Higuain — perdeu o pênalti — de Delle Ali e do fator fundamental, Harry Kane. Eriksen fez o gol de empate, contando com a colaboração de Buffon, que antes havia salvado o lance de Kane, criado pelo meia dinamarquês.

A impressão depois do primeiro dia de oitavas-de-final é que haverá dois ingleses nas quartas.


Botafogo contrata Alberto Valentim e projeta time mais forte até Brasileiro
Comentários 16

PVC

Alberto Valentim fechou contrato para ser o técnico do Botafogo até dezembro de 2019 e com a ambição de tornar o Botafogo mais forte, antes da estreia no Campeonato Brasileiro. A direção alvinegra tem a noção de que a equipe precisa ser fortalecida em todos os setores, em função de perdas de jogadores importantes, como Victor Luís e Roger. Se a chegada de Kieza compensa a saída do centroavante, a manutenção de Gílson mostrou-se insuficiente para substituir o antigo titular da lateral.

Alberto Valentim tem menos experiência do que Cuca, mas mais vivência do que Felipe Conceição. Seu estilo é um jogo compacto, forte defensivamente e com marcação forte na saída de bola do adversário. Marcação por zona pura, sem encaixe, e muita rapidez na transição. Na sua experiência no Palmeiras, na reta de chegada do Brasileirão, teve 6 vitórias, um empate e quatro derrotas. Pegou o Palmeiras em quinto lugar e entregou vice-campeão.

Grande vantagem para Alberto Valentim é pegar o Botafogo dez dias antes da estreia na Taça Rio. A estreia deve acontecer na quinta-feira, 22 de fevereiro, contra o Nova Iguaçu.


Alberto Valentim tem chance de ser o técnico do Botafogo
Comentários 6

PVC

Uma parcela da diretoria do Botafogo defende o técnico Alberto Valentim para o lugar de Felipe Conceição.

É uma boa ideia. O Botafogo não tem a quantidade de dinheiro de clubes poderosos como Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Flamengo para ter um treinador de nome. E, mesmo assim, qual grande nome tem feito sucesso indiscutível? Renato Gaúcho era discutido quando acertou com o Grêmio.

Alberto não é um técnico experiente, mas foi treinador do Palmeiras no ano passado e trabalhou para chegar a um patamar de treinador reconhecido no futebol brasileiro.

Não está definido o treinador a ser contratado.

Cuca não será o técnico do Botafogo. Nem do Atlético.

Oswaldo de Oliveira é um nome importante. Mas não indiscutível.

O debate prossegue na direção alvinegra. Alberto Valentim é uma das possibilidades.


Palmeiras é líder em todos os números do Paulista, exceto posse de bola
Comentários 15

PVC

O Palmeiras é o líder em todos os quesitos mais importantes das estatísticas do Campeonato Paulista. A única exceção é a posse de bola. Mesmo com 56,5% do tempo de controle do jogo, o time de Roger Machado perde para o São Paulo e para o Santos, neste critério.

Em todos os outros, o Palmeiras lidera.

Tem o melhor ataque, com 12 gols.

A defesa menos vazada, 3 vezes apenas.

É o líder em desarmes, com 18,8 por partida.

É o recordista de finalizações, com 14,2 por jogo.

Tem o líder de passes para gols, Lucas Lima, com 3, empatado com Daniel Guedes.

Felipe Melo é quem mais desarma no Paulista: 5,2 em média.

Borja é o homem com mais chutes a gol por partida: 3,3.

E só não é o artilheiro do Paulista porque o gol de pênalti contra o Mirassol foi de Dudu, não dele.

O começo de temporada faz do Palmeiras o único time da Série A com 100% de aproveitamento.

Invictos estão também Atlético Paranaense, Flamengo e Cruzeiro.


Flamengo finalista tem Paquetá e Éverton como destaques
Comentários 8

PVC

Éverton fez excelente atuação no primeiro tempo. Pouco antes de marcar, o Flamengo já tinha chutado uma bola na trave, em cobrança de falta de Paqueta. O Flamengo esperou o Botafogo rodar a bola no campo de ataque até os vinte minutos, mas sem chances concretas da equipe dirigida por Felipe Conceição. A partir da bola na trave de Éverton, a partida mudou.

O Flamengo começou a mostrar sua superioridade a partir daí e chegou ao gol também com Éverton. Então, começou a aparecer Lucas Paquetá, outra vez importantíssimo, com paasse para gol de Henrique Dourado.

O Botafogo preocupa. Felipe Conceição não conseguiu ainda mostrar nem à torcida nem à crítica que pode ser o sucessor de Jair Ventura.

O Flamengo muda o sistema e evolui. Ainda faltam atuações mais convincentes de Diego e Éverton Ribeiro. Mas o time está na final da Taça Guanabara.

O Boavista foi o último dos pequenos a disputar a final da Taça Guanabara. Foi contra o Flamengo de Luxemburgo em 2011.


Cuca não assumirá Atlético ou Botafogo antes da Copa
Comentários 21

PVC

O projeto de Cuca até a Copa do Mundo é assistir ao torneio e perceber tudo o que se está fazendo no futebol internacional. Isto não significa que não possa assumir algum time brasileiro antes de ir para a Rússia. Mas é difícil. Especialmente se não houver um projeto de conquistas muito forte.

Hoje, nem Atlético nem Botafogo parecem fortes o suficiente para seduzirem Cuca e é possível dizer que ele não dirigirá nem Atlético nem Botafogo antes da Copa do Mundo. Não é questão financeira. É perspectiva.

Em 2006, Cuca assumiu o Botafogo em 18o. lugar, na sétima rodada, e entregou em 12º lugar. Mas o projeto era escapar do rebaixamento.

Em 2011, pegou o Atlético em 14º lugar. Entregou no final da campanha em 15º, mas com credibilidade para começar o trabalho do ano seguinte, em que foi campeão mineiro e vice-campeão brasileiro, antes da conquista da Libertadores de 2013.

Hoje, é muito difícil que Cuca seja o treinador do Atlético. O clube não descarta uma solução com um técnico empregado atualmente. O melhor cenário é o Atlético descobrir um nome capaz de ser no futuro o que Cuca foi em 2013.


Informações e palpites da rodada no Rio e SP
Comentários 1

PVC

Estreia de Henrique Dourado pelo Flamengo e o Palmeiras voltando a Mirassol, depois de cinco anos. Mas a rodada fraca acompanha a seção Informações e Palpites, que será mais completa na semana que vem.

CAMPEONATO CARIOCA
FLAMENGO x BOTAFOGO
Sábado, Raulino de Oliveira, 16h30
FLAMENGO – Problemas – Nenhum – Time provável (4-1-4-1) – César, Pará, Rhodolfo, Juan e Renê; Cuellar; Éverton Ribeiro, Lucas Paquetá, Diego e Éverton; Henrique Dourado. Técnico: Paulo César Carpegiani
Últimos cinco jogos – vevvv
BOTAFOGO – Problemas – Nenhum – Time provável (4-1-4-1) – Jéfferson, Arnaldo, Carli, Igor Rabello e Gílson; Matheus Fernandes; Rodrigo Pimpão, João Paulo, Léo Valencia e Luís Fernando; Brenner. Técnico: Felipe Conceição
Últimos cinco jogos – devve
CURIOSIDADE – Jéfferson completará 443 jogos e se tornará o goleiro com maior número de jogos do Botafogo, superando Manga.
PALPITE – Flamengo

CAMPEONATO PAULISTA
FERROVIÁRIA x SANTOS
Sábado, Fonte Luminosa, 16h30
SANTOS – Problemas – Alisson (terceiro cartão), Copete (terceiro cartão), Victor Ferraz (machucado), Luiz Felipe (machucado), Cléber (machucado), Yuri (machucado), Bruno Henrique (machucado) – Time provável (4-2-3-1) – Vanderlei, Daniel Guedes, David Braz, Robson Bambu e Caju; Matheus Jesus e Renato; Gabriel, Vecchio e Arthur Gomes; Sasha Técnico: Jair Ventura
Últimos cinco jogos – devdv
CURIOSIDADE – Ano passado, a Ferroviária venceu o Santos na Vila Belmiro por 1 x 0.
PALPITE – Santos

MIRASSOL x PALMEIRAS
Sábado, José Campos Maia, 19h
PALMEIRAS – Problemas – Nenhum – Time provável (4-1-4-1) – Jaílson, Marcos Rocha, Antônio Carlos, Thiago Martins e Victor Luís; Felipe Melo; Willian, Lucas Lima, Tchê Tchê e Dudu; Borja. Técnico: Roger Machado
Últimos cinco jogos – vvvvv
CURIOSIDADE – Na última visita do Palmeiras a Mirassol, o time treinado por Gílson Kleina perdeu por 6 x 2, em 2013.
PALPITE – Palmeiras